terça-feira, 23 de agosto de 2016

JUSTIÇA BLOQUEIA VERBAS DA PREFEITURA DE URUARÁ PARA PAGAR SALÁRIOS DE SERVIDORES


O Juiz de Direito substituto da Comarca de Uruará, Michel de Almeida Campelo, deferiu liminar em favor dos Servidores Públicos Municipais de Uruará (PA), determinando o bloqueio das contas da prefeitura do município. A decisão foi promulgada na tarde desta segunda-feira, 22.
Diz o magistrado em sua decisão:
“Defiro a medida liminar pleiteada e determino o bloqueio judicial das verbas de 54% do Fundo de Participação dos Municípios (FPM), do Fundeb (Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação), do Fundo Especial do Petróleo, do ICMS, do ITR, do Auxílio Financeiro Para Fomento Exportações, do Simples Nacional, do Fundo Saúde e do ICMS do Estado, 50% da Autorização de Internação Hospitalar, 50% do Programa de Atenção Básica e 50% do PAB Estadual repassado mensalmente ao município de Uruará”.Na decisão o juiz determina que o Banco do Brasil, Banco da Amazônia e Caixa Econômica Federal devem reter os valores presentes e futuros até ulterior deliberação para fins de pagamento dos salários de julho de 2016 e vincendos até dezembro de 2016, ressaltando que os referidos bancos não poderão realizar movimentação nas referidas contas da prefeitura sem a devida ordem judicial no que se refere aos valores bloqueados.
A Secretaria de Administração ou qualquer outro órgão da prefeitura será obrigado a individualizar o salário de julho de 2016 dos funcionários de todos os setores que ainda não receberam bem como o salário do mês de maio de 2016 e junho de 2016 dos servidores da educação contratados e ou substitutos que estão com atraso salarial referente a estes meses remetendo a este juízo o arquivo para crédito na conta salário dos servidores no 
prazo de 48 horas sob pena de multa diária de R$ 5.000,00.
Ainda segundo a decisão do juiz as provas constantes dos Autos revelam claramente o atraso dos salários e o acordo não honrado e demonstra o descompromisso de fazê-lo. Foi constatado o descumprido pela administração Municipal sem qualquer explicação dos compromissos de pagamento dos vencimentos de julho de 2016 que tem como vencimento o quinto dia útil.
Os servidores públicos pararam suas atividades no início deste mês de agosto por causa dos salários atrasados e fizeram manifestações em frente ao Fórum da Comarca de Uruará na quinta-feira, 18, e sexta-feira, 19, exigindo providências da justiça, na quinta-feira durante as manifestações o Palácio das Flores (prédio da prefeitura) foi ocupado pelos manifestantes.

Fonte: Sistema Regional de Comunicação

UM PRESO E OUTRO BALEADO DURANTE ASSALTO COM REFÉM EM ALTAMIRA


Marcos Oliveira conhecido por Marquinhos foi preso nesta tarde desta segunda-feira (22) na Av. Tancredo Neves em uma loja de peças automotivas próximo à Justiça Eleitoral. Marquinhosestava na companhia de outro acusado que fugiu pulando quintais, buscas foram feitas nas ruas Salim Mauad e João Besouro mas sem sucesso.
Marquinhos foi preso nesta tarde desta segunda-feira,
Enquanto a polícia e proprietários da loja contabilizavam o que havia sido roubado, policiais do GTO de Santarém que estão atuando em Altamira, voltaram a rua Salim Mauad pra onde um dos acusados teria fugido e encontraram ele em um beco, ele disparou contra os policiais e terminou sendo alvejado no abdômen, e está internado na UPA.
Cerca de 15 mil reais foram levados, parte do dinheiro foi recuperado.
Por: Felype Adms

sexta-feira, 19 de agosto de 2016

PASTOR É FLAGRADO COM CARRO ROUBADO EM IGREJA E É PRESO POR RECPTAÇÃO


Carro de pastor era roubado e estava com documento e lacre adulterados.

De acordo com a polícia, pastor pagou fiança de R$ 3 mil para ser liberado.

Um pastor de 44 anos foi preso em flagrante em Cuiabá, nesta quarta-feira (17), suspeito de receptação. A prisão e a apreensão do veículo ocorreram na sede de uma igreja no Bairro Jardim Guanabara. À Polícia Civil, o pastor alegou ter sido vítima de estelionato. Ele pagou fiança de R$ 3 mil para ser liberado e deve responder em liberdade.
O caso foi descoberto após fiscais do Departamento estadual de Trânsito (Detran-MT) desconfiarem da tramitação de um processo de transferência de um veículo cujo número de certificado de registro (CRV) tinha registro de roubo em Mirassol D'Oeste, município a 329 km da capital, em setembro de 2015.
De acordo com o Detran, a Coordenadoria de Fiscalização de Credenciados da autarquia pediu ao suspeito, que constava como proprietário do veículo, para que comparecesse com o veículo na sede da autarquia, para vistoria. O pastor, porém, teria comparecido ao órgão sem o veículo, o que fez com que os fiscais fossem até o local onde o veículo estava guardado.
Conforme os fiscais, ao verificar o veículo, foi descoberto que o lacre usado nas placas do veículo pertenciam a um outro veículo, que também havia sido roubado em julho deste ano, no Centro de Cuiabá.
Segundo a Polícia Civil, além das placas falsas, foi constatado que o Certificado de Registro e Licenciamento do Veículo (CRLV) apresentado pelo pastor era falso. As cédulas, segundo a polícia, são oriundas de um furto ocorrido no Detran.
Interrogado na Delegacia Especializada em Roubos e Furtos de Veículos (Derfva), o pastor afirmou que foi vítima de estelionato e que havia feito uma transferência para a conta corrente indicada e que suportou o prejuízo financeiro. Sobre não ter apresentado o carro ao Detran, o suspeito alegou que lhe foi apresentado, pelo vendedor, um “laudo de vistoria particular”.
Servidor investigado
Conforme a investigação da Polícia Civil, o pastor entrou em contato com um servidor do Detran que teria informado ao suspeito sobre a possibilidade do documento ser falso e do veículo ser roubado. O servidor também teria alertado o pastor de que o carro seria apreendido caso fosse apresentado no Detran-MT. Devido o alerta, o servidor deverá ser investigado administrativamente diante da suposta violação de sigilo funcional.

Do G1 MT

terça-feira, 16 de agosto de 2016

CONTA DE LUZ DEVE VOLTAR A FICAR MAIS CARA

A falta de chuvas e menor queda no consumo de energia devem trazer de volta a bandeira amarela, a partir de setembro, com a cobrança extra de R$ 1,50 a cada 100 quilowatts-hora (kWh) consumidos. As informações são do Extra.
Desde abril, a bandeira está no nível verde, em que não há taxa extra nas contas.
O sistema existe desde 2015 para indicar aos consumidores que as condições de geração, por falta de chuvas ou outros motivos, está mais restrita.
A intenção é que o apontamento leva os clientes a reduzirem o consumo, colaborando para o retorno da geração de energia aos custos mais baixos.
Existem três elementos principais que apontam para a retomada da bandeira amarela em setembro, indica uma autoridade ligada ao tema.
O primeiro é que os meses de setembro e outubro são mais secos. O nível menor dos reservatórios das hidrelétricas exige mais das térmicas, o que leva o custo médio da geração da energia a subir.
Quando são acionadas térmicas com custo superior a R$ 211 por Megawatt-hora (MWh), há uma indicação clara de acionamento da bandeira amarela, o que já vem ocorrendo. Para o acionamento das vermelhas, esse teto é de R$ 422 por MWh.
O aumento do consumo projetado para o ano também é outro argumento para que a bandeira seja revisada.
Desde maio, o consumo de energia no país, apesar de ainda recuar em relação a 2015, vem superando as projeções anteriores.
Assim, uma necessidade de consumo maior do que a previsão anterior colabora com a indicação de possível escassez de energia.

O último elemento a apontar a mudança da bandeira é a situação dos reservatórios nos sistemas Norte e Nordeste, as condições do rio São Francisco e do Tucuruí estão críticas.
Procurada pelo Extra, a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), que determina a indicação mensalmente, informou que só se manifestará sobre a bandeira tarifária de setembro na data oficial para deliberação, 26 de agosto.


Na sua última reunião, o Comitê de Monitoramento do Sistema Elétrico (CMSE) indicou que "ainda poderá ser necessário manter o despacho térmico por garantia de suprimento energético nos subsistemas Nordeste e Norte de forma a preservar os estoques das UHEs (hidrelétricas) Tucuruí e Sobradinho e operar as interligações com critérios de segurança adequados".
(Com informações do Extra)

TCM-PA ENVIA LISTAS DE ORDENADORES DE DESPESAS AO TRE-PA


O Tribunal de Contas dos Municípios do Estado do Pará (TCM/PA) enviou, nesta segunda-feira, dia 15 de agosto, ao Tribunal Regional Eleitoral do Estado do Pará(TRE-PA), duas listas com nomes de ordenadores de despesas.
Uma das listas contém a relação dos Ordenadores de Despesas com emissão de parecer prévio considerando as contas Irregulares sujeitas a julgamento pelas respectivas Câmaras Municipais. A outra lista contém a relação dos Ordenadores de Despesas para efeito do Disposto no Art. 1º, I, "g", da Lei Complementar no 64/90 e Lei no 135/2010.
Clique nos links para visualizar as relações:

Fonte:http://www.tcm.pa.gov.br/

PROVINHA BRASIL JÁ ESTÁ DISPONÍVEL NO PORTAL INEP


A Avaliação da Alfabetização Infantil/Provinha Brasil será disponibilizada, exclusivamente, por meio digital neste segundo semestre de 2016. A segunda etapa da prova está acessível a partir desta segunda-feira, 15, no portal do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), onde permanecerá por tempo indeterminado. A mudança de versão impressa para digital representará uma economia de R$ 10 milhões e repassará para as próprias escolas a responsabilidade pela avaliação.
A Provinha Brasil é um instrumento de avaliação processual que apoia o trabalho cotidiano dos professores. Ela é composta de cinco instrumentos, todos eles disponibilizados no portal: teste de leitura/aluno, teste de leitura/aplicador, teste de matemática/aluno, teste de matemática/aplicador, guia de Correção. Cada prova contém 20 questões. O material do professor tem comentários sobre o que cada questão é capaz de avaliar, permitindo que o exame se torne um instrumento de intervenção pedagógica.
Acesse os testes e guia de correção da segunda etapa
Fonte: INEP

quinta-feira, 11 de agosto de 2016

POLICIAL A PAISANA REAGE E MATA SUSPEITO A TIROS

Um policial à paisana, ainda não identificado, reagiu a uma tentativa de assalto no início da tarde desta quinta-feira (11) na passagem Santo Amaro, no bairro Maracangalha, em Belém. 
Após anunciar o assalto, o policial reagiu alvejando F. da C. P., vulgo Corcunda, de 17 anos.
Segundo a Polícia Militar da área, o jovem já era conhecido pela prática de roubo.
Ainda de acordo com a PM, com o suspeito foi detida uma pistola simulacro .40.
O Instituto Médico Legal (IML) foi acionado para fazer a remoção do corpo.
(DOL)

quarta-feira, 10 de agosto de 2016

HOMEM É PRESO ACUSADO DE PARTICIPAÇÃO NA MORTE DO CABO NUNES EX-MILITAR DO EXÉRCITO EM ALTAMIRA

O crime aconteceu em Abril/2016, Ismael Cordeiro de 35 anos, foi preso próximo ao RUC Jatobá durante a tarde desta terça-feira (09), contra ele a justiça altamirense já tinha um mandado de prisão preventiva, Ismael é acusado de participar de um bando que realizou arrastões em chácaras na zona Rural de Altamira, no dia 19 de Abril deste ano, uma dessa ações criminosas terminou na morte do Cabo Nunes do ex-militar do exército, a esposa e o filho dele também foram agredidos e tiveram ferimentos pelo corpo.

MÃE E FILHO ESTÃO APAIXONADOS E LUTAM POR RELAÇÃO

Parece inacreditável, mas mãe e filhos estão apaixonados e lutam na Justiça para ficarem juntos.  A história polêmica foi divulgada no portal MSN, após ser noticiada pelo tabloide inglêsDaily Mail. O caso aconteceu no Novo México (Estados Unidos) e 

terça-feira, 9 de agosto de 2016

BEBÊS GÊMEOS SÃO MORTOS PELO EX-NAMORADO DA MÃE

Dois irmãos gêmeos, de apenas 11 meses, foram mortos no município de São Miguel do Araguaia, em Goiás, distante cerca de 470 quilômetros de Goiânia, na madrugada desta segunda-feira (8). O suspeito do crime é o ex-namorado da mãe dos bebês.
A mãe deles, identificada como Thaís de Oliveira Paula, de 23 anos, foi esfaqueada, mas sobreviveu e foi encaminhada para um hospital da região.
De acordo com informações da Polícia Militar de Goiás, o suspeito - Antônio Ribeiro Matos, de 26 anos – invadiu a casa da ex-namorada por volta da meia-noite desta segunda-feira. Eles haviam terminado recentemente.
Portando uma faca, ele atacou Thaís de Oliveira e matou os bebês (arremessando-os várias vezes contra o chão e contra uma parede).
As crianças, David Luiz e Lucas Felipe, foram levadas para o mesmo hospital que a mãe deles. Os bebês tinham sinais de traumatismo craniano e morreram. Após o ataque, o suspeito fugiu.
(Com informações de Catraca Livre)